Não é porque é feito na web que tem que ser feito de qualquer jeito.

16/05/2017

Não pode mais enviar livro por registro módico, e agora?


Hoje eu vi o pessoal reclamando que o Correio está barrando o envio de livros por outras modalidades que não sejam Sedex, Pac e esses caros que doem na alma. Acontece, senhores, que vocês ainda podem enviar livros, revistas em quadrinhos, etc, mais barato sim. O problema mora na falta de informação dos próprios atendentes e a nossa de consumidor.
O que mudou foi o envio da Carta Registrada. Por isso, você precisa entender a diferença entre Registro Módico e Impresso para argumentar com o atendente e passar menos raiva.

Modalidade vs Registro


Saiba que a Modalidade de envio é sempre como Impresso, caso você queira enviar mais barato. Aqui você tem o Impresso Normal, que pode levar de oito até quinze dias para chegar, e o Impresso Urgente, que chega em bem menos tempo.
Em ambas as modalidades, você pode optar por registrar o envio ou simplesmente não registrar.
Entenda que o Registro não é o método que você usa para enviar o livro, mas sim, o documento comprobatório de que você realmente enviou o livro
Ahhhhhhhhh! Agora entendi!

Dentro do registro nós temos o mais usado por nós, o Registro Módico, e o que mais dói, o Registro Nacional.


Resumindo: 


Você envia como Impresso Normal ou Urgente e registra o envio, comprovando que realmente enviou, como Registro Nacional ou Módico.

Registro Módico:


"O Registro Módico é uma redução tarifária aplicado ao serviço de Registro Nacional. Pode ser utilizado junto aos serviços de Carta (comercial e não comercial), Impresso, quando da postagem dos tipos de objetos a seguir especificados, podendo ser com ou sem valor mercantil: 

- livros em geral, postados por qualquer pessoa física ou jurídica; 

- publicações didáticas, impressas ou gravadas em mídia, tais como: apostilas, cartilhas, fascículos, livretos e similares, postados por pessoa física ou jurídica." (Fonte: Correios.com.br, maio de 2017)

Impresso Normal:


"Serviço para o envio de objetos classificados como impressos, tais como livros, com apelo para venda ou de cunho informativo." (Fonte: Correios.com.br, maio de 2017)

 "Mas porque o atendente nega o envio e diz que o limite é de 500g?"


Muitos atendentes, de quase todas as agências, não sabem que Impresso tem seu próprio espaço no sistema, então enviam como Carta Registrada (o costume é Carta com Registro Módico). Antes, Carta Registrada tinha um limite de peso bem maior, ou eles achavam um meio de burlar o limite, então ia tranquilo. Mas agora o envio por essa modalidade mudou. Você só pode enviar Carta Registrada com até 500g, não há mais como burlar.
Tem também o atendente que está acostumado a enviar como Impresso Urgente e, advinha, ele tem um limite máximo de 500g, enquanto o Normal tem um limite de, pasmem, 20kg.
Como é que é?
Ficou chocada? Confere aqui no site do próprio correio, atualizado em fevereiro de 2017, especificando tudo isso.
No site do correio você pode ter também uma ideia de quanto vai pagar em cada envio, pois ele tem uma tabelinha padrão do Impresso (sem registro) bem aqui.

Mas e o registro?


O registro nacional custa R$5,00 independente do peso do pacote. Enquanto o módico, também independente do peso, custa R$2,50.
Você pode conferir isso diretamente aqui.

"Se a ideia é baratear, porque pagar por registro?"



O registro é seu comprovante de que você realmente postou aquilo que afirmou ter postado. É sua prova de que está dizendo a verdade. Além disso, ele gera o código de rastreio eletrônico usado para você acompanhar a entrega.

Como enviar o livro com frete mais barato?


Na modalidade Impresso Normal, que é a que recomendo devido ao seu peso limite ser de 20kg, você só pode empacotar o que está descrito no site: Livros, cd's de cunho didático, revistas, etc. Nada de lápis, caneta, pingente... Se quiser colocar esses extras, então você terá de depender da bondade do atendente de deixar passar.
Embale normalmente, mas escreva na frente da embalagem: "Impresso Normal Registro Módico."
Algumas pessoas gostam de escrever também: “Fechamento autorizado. Pode ser aberto pela ECT.”
Esse último é para o caso de alguém desconfiar de que você está enviando algo além do que é permitido, então você autoriza a abertura do pacote para conferência. Mas se for a primeira vez que você vai na agência, envie o pacote aberto para que o atendente veja que está tudo em dia.

"Fiz tudo isso, mas continuo com problemas."


Neste caso, você deve imprimir as folhas do site do correio que explica a modalidade Impresso Normal, a que detalha o custo e a que diz que esta modalidade é coberta em todo o país e que é direito seu. Caso ainda não consiga, vá munido com o número do SAC e não passe a vez, ligue diretamente para o SAC informando o problema.
Muitos atendentes realmente não sabem desse método, então vão pedir ajuda do Gerente. Por isso, mantenha a calma, leve seus argumentos impressos e seja feliz.

15 comentários:

  1. A atendente aqui de casa me explicou isso hoje... e disse também que o impresso é a modalidade exclusiva para livros e que não existe pesagem. Os funcionários estão mau informados e os clientes também. Ótimo post!

    ResponderExcluir
  2. Artigo extremamente importante para todos que lidam com o envio de livros, especialmente para autores que vendem os próprios livros.
    Uma correção. É MódiCo, não módiGo.

    ResponderExcluir
  3. Envio há anos por impresso normal com serviço adicional com registro módico. Sempre nas mesmas agências, com os mesmos atendentes. Parece que recentemente houve alguma mudança no sistema que não estava permitindo que fosse adicionado o registo módico ao impresso. Não sei se já corrigiram essa incompatibilidade no sistema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enviei ontem.. Impresso normal com registro módico. 10 reais no total.

      Excluir
  4. Que sustoooooo hahaha menina do céu, eu to precisando enviar uns impressos e já assustei achando que tinha acabado esse lance de pagar menos. Obrigada por explicar o que está acontecendo, que susto hahaha

    Samantha | E Aí, Ferrá

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela postagem...Fui no Correio hoje e tive este problema do livro ter passado de mais de 500g, acabei desistindo do envio devido ao preço pelo PAC. Amanhã irei novamente lá e passar as informações do Correio.

    ResponderExcluir
  6. Tem como enviar um Registro Módico à cobrar? Ou seja, o destinatário pagar ao retirar..
    Tem como?

    ResponderExcluir
  7. gente, se eu quiser enviar agendas artesanais, feitas por mim e com miolo impresso por mim, pode ser considerado como apto a envio pela modalidade Impresso?

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente, os correios atualizaram a tabela de pesos e valores.
    Pelo que a atendente me informou, o peso máximo agora para Impresso Normal com Registro Módico é de 2kg.
    Coloquei à venda minha coleção de HQs, vendi até muita coisa, mas depois dessa atualização nos valores o pessoal quase não compra, pois o frete por PAC sai muito caro.

    ResponderExcluir
  9. A propósito, parabéns pela postagem.

    ResponderExcluir
  10. Usei por muito tempo registro módico, hoje mesmo fui ao correio e informaram que essa modalidade só vai até 2 quilos

    ResponderExcluir


  11. ABAIXO FOI O QUE ACHEI NO SITE DOS CORREIOS
    Modalidades:

    Impresso Normal

    Impresso Urgente

    Formas de Franqueamento:

    À vista: selos ou máquina de franquear

    Faturar: chancela ou máquina de franquear. Para clientes com contrato, envio de livros e publicações até 2Kg na modalidade Normal e até 500g na modalidade Urgente.

    ResponderExcluir